twitter
RSS

[Coluna] Divagações #07: Livros que não deveriam ter continuações.

>> quinta-feira, 11 de maio de 2017



Oi gente! Há quanto tempo hein?! Esse ano de 2017 está sendo muito atípico para mim e confesso que não estou vindo aqui ao nosso cantinho tanto quando gostaria... Mas diminuir um pouco essa saudade hoje e já adianto que trago um assunto delicado!

Posso falar, como sempre, sinceramente queridos? Tem livros que não precisavam, não mereciam uma continuação. Eu como leitora me sinto frustrada até mesmo ludibriada quando um livro que gostei tanto recebe uma continuação, que espero ansiosamente e quando realizo a leitura, o livro é algo morno, sem sentido, parecendo apenas ter o objetivo de dar visibilidade a autora ou mais lucros para a editora.

Há muito tempo queria divagar sobre isso aqui no blog, mas vários contratempos me impediram e foi até bom, porque quando esse tema me veio à mente foi por ter terminado a leitura de uma sequência que me deixou tão decepcionada que acredito que poderia até ser injusta com a autora ou com os leitores que podem ter gostado da obra, diferente de mim. Sendo assim esse tempo serviu para me acalmar, mas não mudar de opinião.

Sei que muitas vezes nós leitores gostamos tanto de um livro, de seus personagens que não queremos nos separar, não queremos que a história termine. Mas tem continuações que só serviram para tirar o brilho da historia original. O que sei é que hoje minha divagação, minha conversa e desabafo com vocês é sobre isso.
E para isso separo aqui dois tipos de continuação que me frustram: 

1. Aquela que a sequência não tem o mesmo ritmo, o mesmo brilho do primeiro livro.

Não sei se a autora se perdeu pelo caminho, se foi forçada pelos editores para cumprir um contrato e escrever de qualquer jeito, só sei que algo não deu certo no final. Para ilustrar o que quero dizer cito aqui três livros que se encaixam perfeitamente nessa situação, no meu ponto de vista:

Entre o agora e o nunca e Entre o agora e o para sempre


Esse foi um dos primeiros New Adult que li, quando eu nem sabia direito que ele pertencia a esse gênero e sem imaginar o ‘boom” que aconteceria sobre livros desse estilo. Eu me encantei com a história, com os personagens. A Redmerski quase quebra meu coração no finalzinho me fazendo crê em algo que na verdade não aconteceu (ufa), para depois nos brindar com algo simplesmente lindo.!Foi perfeito! E pronto, deveria terminado a história por ali.
Tudo bem! Confesso que quando eu soube do lançamento desse segundo livro me empolguei porque teria mais da Cam e do Andrew, mas quando comecei a ler vi que tudo que a autora construiu no primeiro ela derrubou no segundo, foi como um castelo de cartas ruindo. Cadê a esperança que ela me deixou sobre o lado bom da vida? Porque ela tinha que fazer um livro com algo tão triste? Como eu queria “desler” esse livro... Se você ainda não leu, quer saber? Não recomendo. Não se frustre, não se desencante...

Meu romeu e Minha Julieta

Meu Romeu é o tipo de livro que te prende, misturando presente e passado a autora vai te envolvendo e te deixando cada vez mais curioso para saber o que acontece, porque tudo aconteceu. Então para quem leu o livro, para quem sabe como ele terminou vai dizer, "mas Mara precisava do segundo para nós sabermos como a história deles termina!" E eu te respondo amigos: SE ERA PARA CONTAR DAQUELE JEITO NÂO PRECISAVA! Ela poderia ter enrolado um pouco menos, poderia ter discorrido sim toda a história em um livro só. Porque se foi para transformar a mocinha numa chorona, imatura, que não consegue seguir em frente, nem superar os seus medos, sim eu te digo que não precisava que Minha Julieta existisse. E quem leu a duologia, mesmo que tiver gostado dos dois, vai me entender e no fundo me dar razão.

Metrica e Pausa

Esse é o livro da minha vida. Sério! Tem muitos livros que eu me identifico com a história ou com o personagem, seus pensamentos ou sentimentos e Métrica é um deles. Um dos quais mais me identifico, porque senti e passei por muita coisa parecida com o que Will e Lake passaram (a perda do pai dela, entre outras coisas que só sabe quem leu ou irá ler). É um livro lindo e triste ao mesmo tempo. É tão delicado, tão marcante... Para mim tinha encerrado de forma brilhante, do jeito como tudo aconteceu. O casal passou por tanta coisa e superou, nos mostrando que podemos seguir adiante mesmo com as desventuras que a vida nos traz e lá vem a Collen e faz um segundo livro apenas para trazer mais adversidades para eles, mais obstáculos para ultrapassar, desnecessariamente. E não contente ainda lança um terceiro com a mesma história, do primeiro sob o ponto de vista do Will. Por favor “devolvam minhas fantasias”!

2. E o segundo tipo de continuação que me deixa frustrada: o mesmo livro pelo ponto de vista do outro protagonista

E nessa linha trago livros que são a mesma história apenas sob olhar do outro protagonista, geralmente do mocinho, Como Essa garota sequencia de Métrica e Pausa (já achei desnecessário pausa, o que posso falar sobre Essa garota?), Grey sequência da série Cinquenta tons de cinza, Rush sequência de Paixão sem limites, Sem esperança, sequência de um Caso Perdido,entre outros que não recordo agora. 
Olha, se eu li um livro no ponto de vista de um personagem, dificilmente você irão me ver falando que li a sua sequencia que é a MESMA historia, salvando alguns detalhes inclusos, apenas sob o olhar do outro protagonista, mesmo que eu tenha amado o livro original. Por que não fez um livro alternando o ponto de vista dos dois? Seria tão mais interessante, tenho exemplos maravilhosos assim... È desperdício de tempo para mim, fazer isso com tanto livro ainda para ler na minha infinita lista de leitura.

E para finalizar cito aqui ainda livros que ainda não li a continuação, mas já li comentários e resenhas negativas sobre eles, então nem coloquei em minha lista: Depois de você (Como eu era antes de você), Efeito Rosie (O projeto Rosie),


E então o que acharam do meu desabafo? Concordam comigo ou não? Tem algum livro a acrescentar nessa lista? Me contem!

Bjs e até a próxima!













PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL