twitter
RSS

[Resenha] Feitiço das sombras - Nora Roberts

>> quarta-feira, 20 de abril de 2016



Oi gente como estão? 

Estamos de volta com o segundo livro da trilogia dos primos O’Dwyer: Feitiço das Sombras ( Editora Arqueiro, 2015,  288 páginas) , onde no primeiro livro Bruxa da Noite, nossa protagonista foi Iona e dessa vez o nosso protagonista será o Connor, o único bruxo da família.

Após o ataque sofrido durante o solstício, Cabhan passa a se esgueirar nas sombras, rondando os integrantes do clã O´Dwyer e aguardando a próxima chance de atacar. Connor é um dos bruxos da noite e é um rapaz de bom coração, leal e muito poderoso, sendo capaz de ter uma rara ligação com um dos filhos da primeira bruxa da noite (Eamon), viajando no tempo através dos sonhos. Mas esse poder passa a chamar a atenção do Cabhan. Já Meara sempre foi a melhor amiga da irmã de Connor e isso fez com que eles crescessem juntos e criassem um forte laço de amizade, contudo, ele sempre foi encantado por ela, e de certa forma ela por ele. Mas como eles sempre se relacionaram como irmãos, evitavam demonstrar tamanho interesse um pelo outro, mas uma situação de risco fará com que Meara perceba que o medo de perde-lo não se deve apenas pelo afeto que sente por ele, o que faz com que sua amizade de infância seja abalada, dando inicio a uma relacionamento perigoso. 

É fica difícil negar meu amor por essa trilogia, confesso que terei que ler outros livros de Nora para saber se meu amor é por ela ou é somente pelos primos...rsrs

Na trilogia Primos O´Dwyer ela consegue transformar a famosa fórmula de romance água com açúcar na qual mocinha e mocinho sofrem alguns desencontros, passam por dilemas, ela acrescenta um pouco de ação, mitologia Irlandesa e magia, (já que a base dessa história é a batalha que os seis amigos travam contra um bruxo do mal). É uma trilogia gostosa de ser, boa para quem esta de ressaca literária

.Se no primeiro volume o casal protagonista são Iona e Boyle, no Feitiço da Sombra eles passam a ser Connor e Meara. Confesso que esperei grandes reviravoltas, desde Bruxa da Noite, mas não foi o que não ocorreu.

Apesar de acabarmos tendo uma noção dos casais que serão formados e qual o destino de cada um, acaba sendo gostoso acompanhar o desenrolar do relacionamento deles, os seis amigos tentam encontrar uma forma de derrotar Cabhan enquanto ele fica rondando e atormentando suas vidas. Ao mesmo tempo temos um romance regado a cenas levemente picantes se desenvolvendo, por fim os protagonistas travam uma grande batalha contra o inimigo.
É claro que a forma de contar a história muda completamente, o que acaba impulsionando a leitura, mas a base segue essa a mesma linha. O romance entre o casal de protagonistas deste livro se dá de forma bastante explosiva, já que enquanto ela é uma mulher decidida com porte de guerreira, mas que tem medo de se relacionar por se embasar no casamento mal sucedido de seus pais, ele é um romântico incorrigível que deseja para si o mesmo amor à sombra do qual foi criado.

Ahh não podemos esquecer de falar das capas dessa trilogia são um espetáculo à parte, como a primeira essa também é lindíssima, mais uma vez parabéns para Ed. Arqueiro pela escolha delas.

















PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL