twitter
RSS

[Resenha] Só Você- Jennifer Lyon

>> quarta-feira, 28 de outubro de 2015



Olá pessoas! Tudo bem com vocês?
Dessa vez eu trouxe de volta, Sloane Michaels. Já falei dele aqui na resenha de Uma Proposta Sedutora, da Jennifer Lyon. Agora na sequência, em Só você eu reforço o que eu falei anteriormente: Que homem!! Ele já era lindo, ficou mil por cento mais (se é que isso seja possível).

Como ia fazer um ano que eu li esse livro, já tinha esquecido o final. E Só Você começa exatamente no ponto onde o outro parou. Kat está cada vez mais forte (tanto física quanto psicologicamente). Está mais segura das coisas que aconteceram, da relação que ela e Sloane tem. Mais uma vez uma leitura bem gostosa e que dá pra terminar em um único dia, torno a reforçar que os acontecimentos na história ajudam para que isso aconteça.

Eu já tinha uma admiração por Sloane desde o livro anterior, mas agora essa admiração tem fundamentos (e muitos). A história de vida dele é brilhante, porém triste. Ter uma mãe que troca os filhos todas as vezes que conhece um homem novo, não é fácil de lidar, sua irmã falecer no dia do seu aniversário, também não é fácil de lidar. Nem tudo estava perdido pra ele na fase final adolescência, pois sempre há alguém com bagagens de mesmo peso ou até mais pesadas que as nossas e buscam, por meio da solidariedade amenizá-las.

E foi exatamente por essas razões que Drake entrou na vida de Sloane, para salvá-lo e salvar a si mesmo. Uma relação de amor e puro companheirismo. Kat pode ver de perto, bem de perto até, o que um significa para o outro. Não vou mentir gente, esse livro me deixou abalada, não chorei porque não estava em casa e também porque não tenho esse costume de chorar lendo. Ver ele abrindo o coração pra ela com certeza foi uma das cenas mais lindas do livro. E por outro lado, ver ela confiando nele pra perder os medos é tão bacana. Mesmo que eles digam que não tem um relacionamento, eu não consigo ver isso, principalmente pela forma como eles se ajustam, se protegem, cuidam de si como um todo, mostrando que duas almas destruídas podem ser reconstruídas em uma só e mais forte, soa tão perfeito que chega a ser frustrante.
Enfim, eu queria poder ficar falando deles aqui por horas, quem sabe até por dias, mas como ainda falta o último livro (estou ansiosa em um nível inexplicável) pra saber o desfecho da história deles, porém não me sinto pronta pra me despedir ainda...

Por hoje é isso, espero que tenham gostado da resenha, um beijo enorme pra vocês e até a próxima.





















PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL