twitter
RSS

[ENTREVISTA] Eve Berlin

>> quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

"Eve Berlin é calor e gemidos... Você não vai se arrepender das horas gastas com esta autora. "
- Maya Banks, autora de ‘For Her Pleasure’ e‘Sweet Seduction’.

A premiada escritora Eve Berlin (aka Eden Bradley) escreve romances eróticos e sensuais. O seu trabalho tem sido chamado de "brilhante" e sua escrita "provocativa". Seu romance de estreia, Luxúria, ganhou o Prêmio Holt Medallion de 2010 na categoria romance erótico. Com seu alter-ego, Eden Bradley, seus livros foram indicados para vários prêmios e um de seus romances foi resenhado na revista Cosmopolitan. Seus livros como Eve e Eden, coletivamente, foram traduzidos para o francês, italiano, alemão, tcheco, romeno, espanhol, japonês e português.

A Leya lançou ano passado o primeiro volume da Série Edge, Luxúria (pelo selo Lua de Papel) e o segundo volume (a ser lançado pelo novo selo da editora, Quinta Essência) será lançado ainda nesse mês, com o título No limiar do desejo.

Photobucket

Blog: O que inspirou você a escrever Série Edge?
Eve: Adoro escrever sobre o lado mais sombrio do sexo e, muitas vezes, escrevi sobre isso em meus livros publicados como Eden Bradley (www.EdenBradley.com). Meus heróis, Alec, Dante e Connor (do terceiro livro da série, TEMPTATION’S EDGE), surgiram antes que eu pensasse neles e eles personificam três versões diferentes do meu sonho de Dominador perfeito. Se eu pudesse encontrar um homem que seja a combinação de todos os três...
Meus personagens muitas vezes vêm a mim primeiro, então isso não foi surpresa. Mas eu nunca sei exatamente de onde as ideias para as minhas histórias vêm. É um mistério!

Blog: Qual aspecto da história do livro Luxúria você achou mais difícil de escrever?
Eve: Acho que o maior desafio era escrever minha heroína, Dylan; uma mulher que foi tão danificada pela vida que está totalmente desligada emocionalmente. Para torná-la compreensível e reembolsável, para os leitores, foi definitivamente um desafio. Acho que o que tornou possível foi infundí-la com uma vantagem muito humana de vulnerabilidade, e talvez alguns dos caprichos da minha própria personalidade. :)

Blog: Enquanto escrevia Luxúria e No limiar do desejo, você utilizou  algo da sua vida real?
Eve: Eu sempre faço! Estou envolvida na prática BDSM, que é algo sobre o qual sou muito aberta, utilizei minhas próprias experiências nessa arena, bem como da minha família e histórico de relacionamento, pessoas que eu conheço... Acho que todos os escritores fazem, em certa medida.

Blog: Como são as pesquisas para os seus romances?
Eve: Bem, muitas vezes escrevo sobre coisas que faço. Eu já falei um pouco sobre as áreas pervertidas da minha vida e muitos dos meus personagens são pessoas criativas, escritores e artistas. Eu era psicóloga numa universidade e eu escrevi sobre alguns dos meus personagens visitarem psicólogos, assim utilizo diferentes aspectos da minha experiência de vida.
É claro que a internet também é um excelente recurso. Usei muito para encontrar detalhes sobre os lugares que tenho que escrever,  sobretudo para aqueles que visitei brevemente. E eu  adoro conversar com outros escritores para reunir informações que por ventura possa precisar, como por exemplo no processo de um crime militar e policial (para o meu herói Declan do livro FALLEN ANGEL, que escrevo como Eden Bradley). Eu também utilizo o marido da minha melhor amiga, que é um chef, para receitas do meu romance erótico sobre o fruto proibido (que escrevo como Eden Bradley). Todos que eu conheço é um recurso potencial!

Blog: Como você escreve? Você tem uma rotina definida a cada dia?
Eve: Eu gostaria de ser mais disciplinada! Tenho uma agenda, mas nem sempre cumpro. Tento responder e-mails pela manhã e escrever na parte da tarde, isso se eu não for  facilmente distraída pelo Twitter, internet e especialmente Pinterest! (Aqui está minha página no Pinterest: http://pinterest.com/edenandeve/). Muitas vezes, o relógio apita 23h e ainda estou escrevendo. Quando tenho um prazo, geralmente, tento escrever um número de páginas semanais ou número de palavras, algo em torno de 50 páginas por semana, que inclui uma edição de primeira passagem. Possuo uma escrita muito limpa, a maioria do que eu escrevo termina na versão final, eu raramente mudo muita coisa; nada além de uma estrutura de frase aqui e ali, corrigir erros, substituir uma palavra por uma mais potente. Às vezes, adiciono uma breve cena ou duas edições finais. Mas eu sou muito exigente sobre meu ambiente de escrita diária. Eu tenho que estar usando minhas pantufas, ter uma garrafa de água ao lado de mim, e quando eu estou perto de prazo há sempre chocolate na minha mesa. Chocolate pode ser o melhor amigo de um escritor!

Blog: Por que usar um pseudônimo, depois de publicar romances como Eden Bradley? Como surgiu Eve Berlin?
Eve: Eden Bradley foi meu pseudônimo original, uso-o desde 2004. Eve Berlin foi criado quando eu queria contratar um novo editor e meu antigo editor não me permitiu utilizar o nome. Eu sabia, que se eu ia ter um segundo nome, que eu queria usar as mesmas iniciais "EB", não sei por que... uma peculiaridade minha. Eu gostei da ideia de Eve no jardim do Eden, de modo que foi apenas uma espécie de piada. Eu passei por um monte de sobrenomes que começam com 'B' e Berlin foi o que pareceu mais dinâmico e sexy para mim.

Blog: Você escreveu mais de vinte livros. Qual o seu preferido ou que se identifique mais?
Eve: Isso é como tentar escolher um filho favorito! Normalmente, o que eu estou trabalhando é o favorito, então agora é DANGEROUSLY BOUND, o primeiro livro da minha nova série Dangerous (que vai ser lançado ainda este ano). Eu também adoro o meu primeiro romance BDSM, THE DARK GARDEN. Há muito de mim nesse livro e algumas das cenas foram tiradas a partir de um ponto recente e muito emocional na minha vida, então eu ainda me sinto muito ligada a esses personagens, especialmente minha heroína, Rowan.

Blog: Gostaria de compartilhar algo sobre si ou sobre a sua escrita que você não disse aos fãs?
Eve: Ah, isso é difícil, eu sou como um livro aberto. Humm... bem, eu tenho um amor secreto com as revistas de fofocas de celebridades. Eu só leio-as quando estou viajando, me dê punhado delas em um avião e eu ficarei feliz!

Blog: O que você gosta de fazer quando não está escrevendo?
Eve: Eu amo fazer compras, tenho uma enorme coleção de sapatos, gosto de comprar gloss, lingerie, coisas para a casa, roupas... qualquer coisa, realmente. Eu também adoro arte, então vou a museus e galerias sempre que posso. Também adoro figurino, especialmente steampunk. Várias das conferências em que vou incluem eventos fantasiados, então geralmente estou usando algum. Na verdade, tenho um armário inteiro dedicado a esses trajes em minha casa. E, claro, passar o tempo com meus amigos faz parte de grande parte da minha vida. Nós vamos almoçar, ao cinema, ficamos na casa de alguém e conversamos ou escrevemos juntos. E há sempre mais algumas compras!

Blog: Obrigada pela entrevista. Gostaria de deixar uma mensagem para seus fãs brasileiros?
Eve: Estou tão emocionada que meus livros estão chegando leitores de tão longe, e eu aprecio muito meus fãs brasileiros! Eu adoro falar com meus fãs e espero conversar com vocês! Podem me contactar através de meus sites: www.EveBerlin.com  e www.EdenBradley.com, através do Twitter: https://twitter.com/EdenBradley ou através da minha página no Facebook: https://www.facebook.com/AuthorEdenBradley.EveBerlin


Photobucket
PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL