twitter
RSS

[TAG] Oscar literário 2015 - Parte Dois

>> quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016


Oi gente!!! Hoje, depois da Lailie, eu que estou aqui para dizer quais foram os melhores de 2015 para mim, dos livros que li. Foi muito difícil tirar de 181 livros livros no ano, apenas 11 livros escolhidos, mas lá vamos nós...

Melhor título- Os príncipes também viram sapo de Megan Maxwell

Melhor arte da capa -O garoto quase atropelado- Vinicius Grossos
Foi difícil essa. Mas o meu escolhido foi OGQA Não só a capa em si é linda, como toda a edição do livro, o desenho e papel utilizados, os detalhes dos corações e da bicicleta. Quem tem o livro concorda comigo com certeza e quem não tem ( ainda não sei porque! compre!) se tiver oportunidade de achá-lo em uma livraria pegue-o e veja se não é isso mesmo.

Melhor serie/saga-Instrumentos mortais- Cassandra Clare
Fechei essa série no início do ano e para mim umas das que mais me deixou envolvida como a tempos não ficava.

Melhor mundo/ ambiente criado-A filha da tempestade - Richelle Mead
A Richelle tem uma mente com criatividade sem limites. Aqui no Brasil só foi lançado apenas o primeiro livr, o que é uma pena porque a série é bem legal, e torço para que a editora agora em sua nova fase lance todos. O mundo, (mundos na verdade), são fascinantes, com detalhes e povos únicos.

Melhor final-Bela distração - Jamie Maguire
Para quem leu: Que final foi aquele??? Em momento algum desconfiei daquilo! Quem gosta de ler as ultimas paginas do livro antes de ler, não faça isso com BD, irá tirar toda a graça do mistério do livro. Eu gosto muito da escrita da Jamie e ela não me decepcionou nesse livro, que terminou por se tornar o meu preferido da série até agora.

Melhor personagem secundário masculino -Ryan – Sr Daniels
Gente, o Ryan é um personagem tão divertido, tão inteligente, tão imcompreendido, tão lindo... Impossível não se apaixonar por ele...

Melhor personagem secundário feminino-A filha do Marques – Um amor escandaloso de Patricia Cabot
Gente essa filha do Marquês é muito engraçada. Á primeira vista achei que ela era apenas mais uma mocinha rica e mimada pelo pai, mas suas tiradas francas e comentários peculiares muitas vzes me trouxe muitos risos. Quem leu esse livro com certeza sabe do que estou falando. Aliás é um romance de época que super recomendo.

Melhor protagonista feminino- Melody Giovanni- Série Ruthless People
Essa série para quem gosta da temática de Máfia, cenas de ação mistura com romance erótico é um pedida maravilhosa. Melody é um das mocinhas mais francas, esperta, inteligente e corajosas que ja conheci. Infelizmente a série ainda não foi lançada aqui no Brasil e torço muito para que isso aconteça. Para que entendam um pouco melhor da serie eis aqui um breve resumo que encontrei na internet, mas me desculpem porque não lembro em qual site/blog foi...

Ruthless People é uma ficção romântica com crime se passando nos dias modernos de Chicago, seguindo a vida e o casamento de Melody Nicci Giovanni e Liam Callahan – rivais de sangue e líderes através do medo. O casamento deles foi arranjado por seus pais na esperança de que anos de derramamento de sangue entre os irlandeses e os italianos terminasse.
Liam, o próximo na fila para liderar o clã irlandês, acredita que ele está recebendo uma mulher simplória, que ele pode controlar, aquela que se inclina para a sua cada necessidade… O oposto completo de Melody. Criada para ser uma Capo, uma atiradora de classe mundial, mestre do disfarce, sem piedade e sem medo. Ela sabe exatamente que tipo de homem é Liam, e ela prefere morrer a desistir do poder que ela passou toda a sua vida construindo. A máfia do passado está evoluindo, e com chefes rivais os colocando como alvos, Melody e Liam terão que descobrir como trabalhar como um só para derrubar aqueles que ficam em seu caminho e ao mesmo tempo manter as aparências.
Poder, Família e Respeito é tudo.


Melhor protagonista masculino-Gavin Blake - Duologia Tensão
Para tudo! Gavin é o melhor mocinho ever que já tive o prazer de ler. Não tenho o que falar de negativo dele durante toda a duologia! Lindo, romântico, atencioso, amoroso...
Nada que eu fale aqui vai expressar quem esse mocinho realmente é e do que ele é capaz. Ele é charmoso, sexy e faz de tudo e mais um pouco pela mulher amada. Um publicitário bem sucedido que quando se descobre apaixonado, ama sem medidas.

Melhor enredo/história - Para todos os garotos que eu amei- Jenny Han
Me envolvi tanto com esse livro. Gostei tanto da temática dos primeiros amores...
A história é escrita de forma tão fluída e encantadora. A autora falou sobre as cartas, sobre um amor entre família, criou sim um romance (muito fofo, por sinal), mas tudo foi muito equilibrado, soube trabalhar com a falta da mãe na vida das meninas, principalmente as mais velhas que já estão passando por momentos que a figura materna é tão importante, além disso nos mostrando também como as aparências e os estereótipos que criamos nos enganam.

Melhor trilha sonora/playlist- De volta ao prazer -Nana Pavoulih
A Nana se superou com essa trila. Todas as músicsa são de extremo bom gosto e ese encaixam perfeitamente com o personagem ou momento escolhido. Super recomendo esse romance...

Melhor casal- Bronagh e Dominic - Dominic
Dominic é o mocinho mais contra verso que li! Arrogante, louco e mega divertido tira paz de Bronagh. Ele veio para o colégio transferido dos EUA e juntamente com seus irmãos traz um mistério para Irlanda. Gente, ele briga, faz pirraça, bullying com a mocinha como nunca vi outro mocinho fazer. Mas não pense que por esse motivo você vai ter pena dela, porque a B é das que parte para briga e esses dois juntos são tiro, porrada e bomba. Parabéns a editora BEZZ por trazer os irmãos Slaters para o Brasil.... 

Livro revelação (melhor surpresa do ano)- (Rule) - Jay Crownover
Essa série é outra que foi um grande presente para mim. 
Já tem um tempo que ela está sendo lançada aqui, está no terceiro livro, mas confesso que as capas não me instigavam e depois de conhecer o contexto da série e o perfil dos mocinhos acho que ainda tem menos a ver do que antes. Mas me surpreendi! Adorei o livro e o universo da série... Rule é um mocinho um doce, mas um doce bem apimentado. Ele é revoltado com os pais que o culpam pela morte do irmão gêmeo e todas as suas atitudes são uma forma de afrontar sua família. A mocinha é uma garota que ele acha ser intócavel, msa é apaixonada por ele há anos... Só tive surpresas boas em 2015.

Melhor autor- L.A. Casey e Jay Crownover
Tive que dar esse Oscar as duas. Não consegui me decidir. Ambas escreveram duas series muitos gostosas de se ler... E o melhor de tudo e que acontece muito em séries, elas mantiveram a mesma qualidade, o mesmo ritmo nas sequencias... Alguns conseguiram até ser melhor do que os livros anteriores. Parabéns as duas!

Melhor livro- Entre o amor e a vingança - Sarah macLean
Romance de época maravilhoso... Amo romances de época, histórias de amigos que se apaixonam, de casais que se reencontram depois de anos separados. E ter encontrado tudo isso reunido em um só livro, foi felicidade em forma de palavras!
É uma história de um amor que nasceu de uma amizade, s
obreviveu guardada durante anos e que se transformou em uma paixão avassaladora. 

O início de cada capítulo tem os trechos das cartas que eles trocavam quando adolescentes e depois as ela enviava para ele, mesmo sem resposta, e isso foi uma ideia maravilhosa da escritora. Me emocionei muito e me coloquei no lugar da Penolope em diversas cartas...







PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL