twitter
RSS

Dizem por aí... - Jill Mansell

>> sexta-feira, 17 de agosto de 2012



Recentemente deixada pelo namorado (não que ela se importasse), Tilly resolve visitar sua velha amiga Erin na cidadezinha de Roxborough, ela só não imaginava que no fim dessa visita algumas coisas mudariam (o seu CEP, por exemplo) Talvez por ironia do destino, ela vê uma oferta de emprego tentadora, num anúncio de jornal: Designer de interiores faz-tudo.

 Um pequeno anúncio no fim da pagina chamou a atenção de Tilly.
Garota faz tudo, emprego divertido em casa de campo, 200€/ semana.
Era só isso, curto e direto. Tilly imaginava o que eles queriam dizer com a expressão “emprego divertido”.
Pág. 18

 Tilly só não imaginava que esta pequena cidade fosse uma daquelas onde sempre há um boato ou fofoca fervilhando e, no caso de Roxborough, o personagem central na maioria delas é nada mais nada menos que o melhor amigo do seu novo chefe, o irresistível e charmoso Jack Lucas, conhecido por sua fama de arrasar corações.

- Desculpem. – Pelo modo como Jack estava sorrindo, era óbvio que havia ouvido cada palavra.  – Eu estava de saída, mas vi algo interessante no corredor lá fora. – Ele ergueu uma sobrancelha para Tilly. – Duas coisas interessantes pra ser mais exato.
Pág. 52

E apesar dos avisos de todos - e dela mesma garantir que não -, viraria ela mais uma das conquistas do charmoso Jack Lucas? Tilly  se vê balançada pelo charme dele, mas tenta a todo custo resistir e, aos poucos, percebe que nem tudo que “dizem por  aí” é verdade; fama,  algumas vezes, é só fama. Mas resistir a Jack Lucas será um pouco mais complicado...

– Jack? Quer dizer, o Jack Lucas? – Ela ficou petrificada. – Ah, não, nem pense em ir por esse caminho! Esse é um homem com quem você não gostaria de se envolver.
- Por que todo mundo fica repetindo isso pra mim?
É como quando você era criança e a sua mãe avisava que, se você fosse mais fundo no lago, a água entraria nas suas galochas.
- Acredite em mim, já vi isso acontecer um milhão de vezes. – Erin estava agora com a sua cara de “preste atenção que eu to falando sério”.
- Estou dizendo por que é verdade.
 Tilly fingiu estar examinando um longo casaco preto de veludo com forro de seda turquesa.
-Tilly, você está me ouvindo?
- Estou. Que lindo esse casaco!
Vamos encarar os fatos, ela nunca conseguiu resistir à possibilidade de molhar os pés.
Pág. 71

Jill Mansell escreve um romance leve e descontraído, onde a leitura flui de forma rápida, mas lhe envolve a cada página, fazendo querer saber cada vez mais não só em relação a Jack e Tilly, mas também aos outros personagens da história, como sua amiga Erin e a ex-mulher do seu chefe Max, com seu drama hollywoodiano. Não há como resistir ao charme de Jack e não rir com os desastres de Tilly e suas tentativas de se manter imune a ele, a cada página que lia ficava na torcida pelos dois e ver como tudo acabaria.

Dizem por aí..., de Jill Mansell (Novo Conceito, 432 páginas, R$ 29,90), é um daqueles livros gostosos e divertidos de se ler, daria um ótimo filme de comédia romântica. Recomendo para quem curte o estilo! :)

-----

Photobucket

Não sabe como participar da Semana Premiada Novo Conceito? CLIQUE AQUI e não fique de fora!

JULIANA BITTENCOURT

PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL