twitter
RSS

[Resenha] Rio Vermelho- Amy Lloyd

>> quarta-feira, 18 de julho de 2018



''29 de janeiro
Caro Dennis,
Meu nome é Samantha. Tenho 31 anos, moro na Inglaterra e sou professora. Sei que você é inocente. Parece esquisito escrever para você. Nunca fiz isso antes, escrever uma carta para alguém que não conheço pessoalmente. (...)''

E assim começou a comunicação entre Samantha e Dennis Danson.

Olá, pessoal! Depois de um tempo sumida por aqui, eis que retorno com a resenha de Rio Vermelho
(Faro Editorial, 266 páginas, 2018), um thriller que instigou a minha vontade de lê-lo quando bati os olhos na obscura capa e, posteriormente, pela sinopse, que nos faz querer desvendar a confusão de
Dennis e Samantha.



Dennis Danson. Condenado à pena de morte pelo assassinato de Holly Michaels e suspeito pelos
desaparecimentos de diversas meninas na cidade de Red River, crimes sem provas conclusivas,
ganhou um documentário baseado em sua vida e se tornou responsável por inúmeras mobilizações
pelos EUA em prol da sua liberdade.

Samantha. Uma inglesa frustrada com as suas relações sociais e fissurada pelo caso de Dennis
Danson. Eis que assim, nessa junção de fatores, ela decide enviar uma carta para Dennis. A
comunicação entre os dois se intensifica e, então, não para mais...
Convicta de que encontrou a sua alma gêmea, Sam atravessa o oceano que separa Inglaterra e
Estados Unidos, participa do novo documentário de Dennis e mobiliza campanhas para um novo
julgamento.



Quando Dennis é solto, ele e Sam poderão começar a viver o sonhado casamento de forma plena. Mas será que é tudo tão simples assim?

—Então? — os jornalistas indagaram. — Como você está se sentindo, senhor Danson? Que tal a
liberdade?
(...)
—Ainda não sei.

Ao voltarem para a cidade natal de Dennis, Red River, Samantha descobre, a cada dia, uma parte da
personalidade do marido e percebe que nem tudo é um mar de rosas. Com o medo batendo à porta, em quem ela deve acreditar?

Confesso que devido à curiosidade e também movida pelo suspense, devorei o livro em um final de
semana. A leitura não é tão leve, mas o desejo de desvendar os mistérios de Dennis faz com que a
história passe rapidamente.
O livro é separado em três partes: Altoona (prisão), Nova York e Red River. Sequenciando, dessa
forma, os acontecimentos da vida de Dennis.



Bem construída até certo ponto, a história se perde nas páginas finais. A impressão que tive é que
vários fios ficaram desamarrados. Eu senti falta de detalhes no desfecho, o que, para mim, é uma das
principais partes em um thriller. Gostei do enredo, no entanto. =)

PS: Tive a oportunidade de resenhar Contra todas as probabilidades do amor (s2) e Rio Vermelho e
gostaria de elogiar os lançamentos da Faro Editorial. Estão arrasando!!!

Saldo final: 4 estrelinhas ★ ★ ★ ★ !
Um beijo e até a próxima!

















PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL