twitter
RSS

[Resenha] Cretino Abusado- Penelope Ward e Vi Keeland

>> quarta-feira, 24 de janeiro de 2018


Oie pessoal!

Minha primeira resenha do ano de 2018 é sobre um livro que li em 2017, mas só agora deu pra trazer pra vocês, estou falando de Cretino Abusado (Ed. Essência, 272p, 2017) das autoras Penelope Ward e Vi Keeland que apostaram em algo divertido e envolvente.

"Chance era a única coisa que me parecia certa em relação à minha vida naquele momento - a única coisa que fazia sentido."


Aubrey é uma advogada que está indo para a Califórnia decidida a mudar sua vida e recomeçar em uma nova cidade e em um novo escritório de advocacia após descobrir a infidelidade do noivo. Então, ela decide colocar o pé na estrada, põe tudo que tem dentro do seu carro e começa uma viagem e tanto. É durante uma parada para comprar alguns itens que precisa que conhece um australiano irritantemente lindo, Chance, um ex-jogador de futebol que não perde a chance de provocá-la.

Então, o que parecia um rápido encontro ao acaso numa lojinha de souvenirs toma outras proporções quando a moto de Chance dá problema e o pneu de Aubrey fura, logo Chance oferece ajuda com a troca do pneu que ela está tendo dificuldade e em troca propõe uma carona, e Aubrey não encontra outra alternativa a não ser ajudá-lo. A viagem de carro segue e o que era pra ser uma simples carona começa a tomar outros rumos, entre provocações e conversas sérias, Aubrey começa a perceber a atração entre eles e cada minuto que passam juntos vai ficando mais evidente que seus sentimentos vão crescendo. E apesar de toda essa atração, Chance fica relutante e se esquiva a todo momento de deixar as coisas acontecerem entre eles já que ele esconde um certo segredo.
"Em pouco mais de uma semana, encontrei minha maior felicidade e sofri meu maior desgosto. Era como se eu tivesse nascido de novo só para ser destruída pela mesma coisa que me dera um novo sentido para a vida."


Cretino Abusado é escrito em primeira pessoa e divido em duas partes, a primeira parte é narrada pela Aubrey onde se inicia a viagem e suas aventuras na estrada com Chance, já a segunda parte é pela visão do nosso charmoso personagem masculino e a trama ganha um pano de fundo diferente também, com outro momento da vida de Aubrey e Chance.

Enquanto lia a primeira parte dessa história eu ficava me perguntando o que as autoras iriam fazer com o provável relacionamento dos personagens e se daria certo, e posso dizer que foi uma surpresa total, eu nem imaginava que a trama iria seguir o caminho escolhido, e então quando iniciei a leitura da segunda parte fiquei mais surpresa ainda com a revelação de cair o queixo que também nem desconfiava. Bem, tenho que ser honesta e dizer o quanto curti a primeira parte do livro, o clima de viagem e os momentos divertidos na estrada foram minha parte favorita; já na segunda parte achei que a história esfriou um pouco, e culpo a Aubrey por isso, compreendi seus motivos, mas sua indecisão me cansou, Aubrey conseguiu me frustrar em diversas cenas nessa segunda parte, ainda bem que as coisas se resolvem. E apesar disso, gostei dela, Aubrey é engraçada e tem um bom coração, mas Chance rouba a cena, com certeza, seu carisma e charme encantam.

"Às vezes, é preciso perder tudo para perceber do que realmente precisa."
Cretino Abusado não tem muitos personagens secundários, e os que tem pouco fazem diferença, as autoras focaram principalmente nos protagonistas, e o único personagem secundário que tem espaço é um animal de estimação bem incomum, mas muito fofo, que roubou meu coração e me fez dar boas gargalhadas.

A capa de Cretino Abusado é uma beleza a parte, quando a vi pela primeira vez, eu pensei: uau, esse livro deve ser bom! As cores usadas e esse cara na moto foi pra chamar a atenção e conseguiu, a editora arrasou, na minha opinião é mais bonita que a capa da versão americana. E logo depois que li a sinopse já tinha certeza que iria gostar, sou apaixonada por road trip desde Entre o Agora e o Nunca, e não via a hora de embarcar nessa aventura também. A diagramação está boa para a leitura, com desenhos simples de placas de trânsito no início de cada capítulo. E a escrita das autoras é fluida e envolvente, além de que conseguiram transmitir muito bem os sentimentos dos personagens, criaram uma história divertida, com um bom romance com pitadas de sensualidade, e pra completar ainda me surpreenderam muito mais do que eu esperava.


Cretino Abusado é uma leitura deliciosa e divertida que prende o leitor, com alguns elementos clichês, mas que consegue surpreender ainda assim. Vale a pena conferir.
"Às vezes, aqueles que usam os maiores escudos são os que protegem os maiores corações."
Classificação: 4 estrelas ★ ★ ★ ★

Bjs e até a próxima!




















PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL