twitter
RSS

[Resenha] Tudo o que eu preciso- Kimberly Knight

>> segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015



Mais um livro fofo da Editora Charme, sério se eu fosse julgar pela capa diria que era mais do mesmo. Porém, quando eu comecei a ler notei que a capa não condiz com a história, mas vocês não estão aqui pra me ouvir falar sobre a capa né?!

Então vamos ao que interessa... Spencer é jornalista, divide o aluguel do apartamento que mora com a melhor amiga Ryan (fiquei me perguntando se esse nome era unissex, whatever) desde os tempos da faculdade. Spencer terminou o relacionamento com o até então namorado, Travis após descobrir uma traição. E é durante a fossa que sua editora lhe envia para uma "missão": Frequentar uma academia que acabou de abrir para produzir um artigo sobre a mesma na revista em que trabalha.

Primeiro dia ela, contra a sua vontade, vai conhecer a tal academia. Chegando lá, resolve ir para a esteira se aquecer e eis que na esteira ao lado surge ele . Eu gostei bastante dessa estratégia de Kimberly em "esconder" a identidade do mocinho porque faz a gente imaginar como ele realmente é e não faz aquela coisa estereotipada. E vale ressaltar que ela não está na sua melhor fase e ver a figura dele muda muita coisa...

Ele vem a ser Brandon, o dono da academia ~e que treina junto com ela~ só tem a identidade revelada, quando Spencer e Ryan fazem uma viagem para Vegas, veem ele no aeroporto. Porém não é aí que eles se apresentam e sim numa rodada de poker num cassino... O que eu achei tudo a ver, afinal estavam em Las Vegas!

Embora esse não seja o gênero que eu aprecie muito, mas a Kimberly soube conduzir bem a história sem que ela ficasse monótona, e ressurgir a ex dele das cinzas foi uma jogada de mestre. É óbvio que ninguém quer que a ex apareça na vida do seu namorado, mas a Christy só os deixou mais unidos do que já estavam. E nesse meio tempo em que ela aperece, algumas coisas acontecem e que nos deixam mais curiosos. E fica torcida pro Brandon e Spencer ficarem juntos, passando por cima de qualquer dificuldade que nem se dá conta.

A leitura é bem gostosa e quando me dei por mim já tinha acabado e louca por mais (e tem mais). Outro ponto positivo é uma trilha sonora 'ambiente presente', deixa eu explicar: é quando a autora cita o nome da música com a situação na qual ela está sendo tocada, te dando a chance ~e tempo~ de procurar a música e deixar tocando enquanto a cena acontece.

Bom, essas foram as minhas (boas) impressões sobre esse livro, espero que gostem dele tanto quanto eu gostei, e entendam que Brandon não existe, mesmo sendo o homem que muitas mulheres sonham e mereçam ter!

























PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL