twitter
RSS

[Lançamentos] Intrínseca- Janeiro

>> terça-feira, 3 de fevereiro de 2015




E nos lançamentos da Segunda Quinzena de Janeiro da Intrínseca, tem livros para diversos estilos. Vai desde inspiração de filme indicado ao Oscar até sobre a evolução da desigualdade e a concentração da riqueza... 

Sniper Americano - Chris Kyle  

De Chris Kyle, com Scott McEwen e Jim DeFelice – Em uma década de serviço, incluindo diversas incursões ao Iraque e a outras zonas de combate durante a chamada guerra ao terror, Chris Kyle, atirador de elite dos Seals, alcançou o recorde de mais de 150 mortes confirmadas pelo Pentágono. Em Sniper americano, ele fala dos sofrimentos da guerra, da morte brutal dos companheiros em, da ação como atirador e da precisão que desenvolveu ao longo do serviço. O livro inspirou o filme “Sniper americano”, que foi indicado em seis categorias no Oscar!




Caixa de Pássaros - Josh Malerman

Há algo que não pode ser visto. Algo que enlouquece as pessoas e as leva a cometer atos violentos seguidos de suicídio. Basta uma olhada para fora e a vida corre risco. A população foi aconselhada a trancar as portas e as janelas e a andar vendada. Com uma narrativa cheia de suspense e terror psicológico, Caixa de pássaros conta a história assustadora de um surto inexplicável em Michigan.




A Nova República - Lionel Shriver 

Escrito pela autora de Precisamos falar sobre o Kevin! Acho que isso já é uma boa apresentação, correto? O livro é passado em uma cidade ocupada por radicais separatistas que promovem atentados ao redor do mundo. Com uma trama criativa, personagens bem construídos e diálogos inteligentes, a obra aborda questões políticas, relações humanas e o papel da mídia em situações de crise.







A economia da desigualdade- Thomas Piketty

O economista francês Thomas Piketty causou furor mundial ao lançar o impactante O capital no século XXI, que tem revolucionado o pensamento econômico contemporâneo. Com linguagem clara e acessível, seu estudo sobre o rendimento do capital foi considerado um dos trabalhos recentes mais sólidos sobre a evolução da desigualdade e a concentração da riqueza. Em A economia da desigualdade, Piketty aprofunda-se em um dos principais temas de suas teorias e o insere no centro do debate político. É bem menor que O capital, 144 páginas apenas!







PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL