twitter
RSS

[Resenha] Mansion Rouge - Andrea Titericz

>> quinta-feira, 29 de janeiro de 2015


Já estamos no finalzinho do mês e hoje trago mais um romance nacional, quase finalizando meu Janeiro Brasileiro. Hoje o livro é da Paranaense Andrea Titericz, uma dentista que divide seu tempo entre clinicar e escrever e Mansion é seu primeiro livro publicado. Vamos então conhecer ele?

 Mansion Rouge - Livro 1(Editora Literata, 2014, 184 páginas) nos apresenta a história de Anna, uma mulher forte e competente, que é vista como fria e impessoal no seu ambiente de trabalho, devido ao seu comportamento diante dos funcionários da empresa que trabalha. Ana foi abandonada por sua mãe ainda criança e seu pai iludido e amargurado pelo abandono da esposa, criou a Anna sem expressar qualquer demonstração de afeto ou algum sentimento por ela, mesmo amando-a. Seu pai trabalha na casa de um rico empresário, que vem a ser o padrinho de Ana, que a incentivou a estudar e posteriormente a colocou num importante cargo de sua rede de hotéis

Seu padrinho então se casa e o enteado dele passar a trabalhar juntamente com Anna, a química entre eles é forte, mas devido a um encontro que ocorreu entre eles, antes de serem oficialmente apresentados, Ana antagonizou com Jorge e ao classificá-lo com um conquistador, ela passa a tratá-lo com descaso e agressividade. Anna sente muita atração por Jorge e a recíproca é inegável, mas ela não cede, ainda mais porque ele para revidar a forma como Ana o trata, fala coisas cruéis e sem escrúpulos para testa-la até o limite. O Jorge bonito e carismático, sexy no último grau, daqueles de fazer suspirar e que adora tirar a Anna do sério.

Por outro lado, a Anna está de casamento marcado com o gentil Alan e isso ajuda a mantê-la distante do charme de Jorge. Ana é uma mulher organizada, bonita, eficiente, mas que devido o trauma que sofreu com a partida da mãe e por ter sido criada num ambiente com apenas homens, se tornou essa mulher reticente, fria, que esconde sua sexualidade atrás de imagem de executiva.

Ela possui uma assistente que, após Anna sofrer uma decepção amorosa, apresenta a ela a casa Masion Rouge, uma casa dos prazeres, onde Anna poderá se libertar e explorar sem limites seu lado sensual. Anna coloca para fora todos os seus anseios e fantasias escondidos e é lá nessa casa que seu caminho se cruza novamente com o de Jorge, pois ele é um assíduo frequentador do local. Como Anna vai disfarçada, com receio de comprometer sua reputação, ela e Jorge começam a se envolver sem ele saber sua identidade. E o desenrolar desse romance é cheio de enganos, tensão sexual e confusão.

Eu gostei da história, do enredo, da construção dos personagens, mas em alguns momentos me senti um pouco solta, achei que alguns capítulos foram muito curtos e alguns assuntos que poderiam ter sido melhor abordados tivessem sido comprimidos. Algumas cenas que foram apenas narradas fizeram falta, pelo menos para que eu tivesse um envolvimento maior na trama. 

O livro é um romance erótico sem exagero nas cenas de sexo e a forma como tudo se encaminha para o final e se conclui é muito legal. A Anna e o Jorge se completam. 
Mansion Rouge nos fala que o amor aparece quando menos esperamos e que nem sempre é doce e simples como desejamos. Mas que quando é para acontecer, independente da idade, do tempo, ele acontece.

Não posso deixar de falar que a diagramação do livro é bem feita e a capa é simplesmente maravilhosa, fiquei simplesmente encantada! Eu não sou daquelas que compra apenas por causa da capa, mas isso já ganha muitos pontos para chamar minha atenção e Mansion Rouge, nesse quesito me conquistou a primeira vista!

Bjos e até a próxima















PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL