twitter
RSS

[CURITIBA] Um passeio regado a muito verde e literatura

>> quarta-feira, 10 de abril de 2013

Já imaginou que bacana poder pegar um livro emprestado enquanto faz um passeio turístico em grandes e famosos parques de alguma cidade? Aproveitar a paisagem, a sombra leve ou mesmo tomar um chá numa cafeteria mimosa de uma capital cinematográfica e, enquanto espera o pão de queijo, devora as páginas de um romance fantástico... Em Curitiba, além de possível isso é altamente recomendável!




Pequenas bibliotecas em pontos de ônibus com acervo diversificado e disponível, gratuitamente, a qualquer usuário de transporte público. Assim funcionam as tubotecas, instaladas na semana passada, em Curitiba, durante a comemoração do aniversário de 320 anos da Capital Sorriso. São 150 obras disponíveis em 10 estações-tubo localizadas em vários pontos da cidade. Não é necessário fazer cadastro para usufruir do acervo, basta escolher o livro e começar a leitura. A devolução pode ser feita em qualquer tuboteca da cidade. 

Inspirados na biblioteca de Alexandria, 45 faróis do saber estão espalhados por bairros de Curitiba. No espaço, cinco mil livros estão disponíveis para o público que também pode dispor de acesso à internet banda larga. O empréstimo do livro é gratuito, necessitando apenas de um cadastro que pode ser feito em qualquer biblioteca pública da prefeitura. No acervo online é possível consultar todos os títulos disponíveis nos faróis. O usuário deve entrar no site e digitar o nome do livro ou do autor. O sistema informa em quais bibliotecas o livro está disponível.

Muito morador da capital desconhece a existência dos faróis, tampouco aproveita os benefícios gratuitos que a cidade tem. A visita vale a pena, não só pela literatura, mas também pela arquitetura do lugar e pela peregrinação nos charmosos bairros da capital paranaense.


DOAÇÕES E CADASTROS – Quem deseja fazer doação de livros para as tubotecas, pode se dirigir às Casas da Leitura, mantidas pela Fundação Cultural de Curitiba (FCC), ou na própria sede do órgão, localizada na Rua Engenheiro Rebouças, 1.732, no bairro Rebouças. Também é possível entregar os livros no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), que fica na Rua Bom Jesus, 669, no Juvevê, ou ainda na Prefeitura da cidade, Avenida Cândido de Abreu, 817, Centro Cívico.

Para pegar emprestado algum livro dos faróis do saber, é necessário ter um cadastro junto à prefeitura, feito mediante apresentação de documento pessoal e um comprovante de endereço. Se o leitor for criança e não tiver o documento de identidade, a certidão de nascimento poderá ser usada. O acesso à internet é limitado em uma hora por pessoa. Ache o mais próximo de você.

Fotos: Aline Souza / EE

ALINE SOUZA
PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL