twitter
RSS

Odd Thomas - Dean Koontz

>> terça-feira, 24 de abril de 2012

Photobucket
 




Qualquer coisa que eu deseje fazer é necessária,
 por mais desnecessária que pareça.
Pág. 149

Sinopse:

Odd Thomas, um jovem cozinheiro de uma cidadezinha californiana, vê e ajuda os mortos da melhor forma que pode. Um dia Odd se sobressalta ao ver um estranho sentado ao balcão do restaurante onde trabalha: ele está cercado de bodachs, entidades que só se mostram quando algum desastre de proporções gigantescas está para acontecer. Na casa do suspeito ele encontra um arquivo sobre os piores assassinos da história e um portal para os bodachs - indícios suficientes para Odd temer um assassinato em massa. Com a ajuda de um grupo de amigos, ele se lançará em uma corrida contra o tempo para salvar os habitantes.


Esse é um livro que você se apaixona e não sabe ao certo o porquê. Odd, não Todd [as origens do seu nome tem várias fontes e seus pais não conseguiram concordar em uma], é um sujeito simples, que vive em Pico Alto e sua maior habilidade é grelhar um bom hambúrguer. Ver os mortos, ele considera um dom. Apesar de vê-los, ele não entende porque eles não falam.

Seus amigos são pessoas tão interessantes quanto ele. Sua namorada, Stormy Llewellyn, é sua destinada, pois um cartão de máquina de tarô disse e também porque eles têm marcas de nascença e não se pode brincar com marcas de nascença iguais. Uma vizinha necessita de sua visita todo dia, para ter certeza de que não ficou invisível. Outra amiga sabe exatamente o que Elvis estava fazendo a cada hora de sua vida, é só testá-la. Além disso, Elvis em carne e osso [ou será alma e espectro?], circula pelas ruas de Pico Alto, trocando sempre de roupa e chorando por sabe-se lá o quê.

Além dos personagens exóticos, Odd Thomas, de Dean Koontz (Record, 448 páginas, R$ 58,90), tem de desvendar o mistério do Homem Fungo que vive rodeado de bodachs, o que significa que uma grande catástrofe se aproxima e como evitar.

Tem como não ficar fissurada com esse livro?

O POV é do Thomas que está escrevendo os fatos depois do dia D:
Meu nome é Odd Thomas. Mas não sei por que você se importaria comigo ou com minha existência numa época em que a fama é o altar venerado pela maioria das pessoas. [...]
Eu levo uma vida incomum. [...]
Só quero dizer que minha vida não é típica. Coisas peculiares acontecem comigo com uma regularidade que não acomete as outras pessoas, se é que as acomete.
Eu, por exemplo, nunca teria escrito essas memórias senão por ordem de um homem de 200 quilos com seis dedos na mão esquerda. [...]
De qualquer maneira, não estou escrevendo por dinheiro. Escrevo para recuperar minha sanidade, para descobrir se consigo me convencer de que minha vida tem propósito e significado que bastem para justificar minha contínua existência.
Págs. 9-11

Mas o livro não é só tensão. As sacadas sarcásticas dos personagens fazem você se acabar de rir.

Só tem um problema com o livro: a página 277, que é o início do capítulo 36, se repete na página 285, que deveria ser o início do capítulo 37... Muito chato isso, pois o anterior termina com um climaxzinho, mas pelo modo como começa a página 286, me parece que não perde muito. Só checando o em inglês para conferir.

Lóooogico que já tem filme. Em estado de pós-produção, mas estou louquinha pra ver. Quem sabe ler em inglês, vale a pena checar o site da série. Tem até uma entrevista do autor com o Odd. Bem engraçadinha!

Super recomendo!!!

Além dos livros, também existe os Graphic Novels, que são um pre-sequel dos livros.

Série Odd:
- Odd Thomas
- Odd Para Sempre
- Irmão Odd
- Odd Hours
- Odd Apocalypse

* O autor disse que pretende lançar um 6º livro sobre o Odd.
Super parabéns para a capa nacional também. Ficou bem melhor, não acham?

Graphic Novel: 
- In Odd We Trust
- Odd is On Our Side
- House of Odd

--
Não sabe como participar da premiada Semana Galera Record? CLIQUE AQUI e não fique de fora!

Obs.: O livro não é do selo Galera, mas é um dos preferidos dela, com direito a Primeiros Leitores e tudo o mais; como faz parte do mesmo grupo editorial, entrou na Semana Premiada. 
 

Kitty Gabe
PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL