twitter
RSS

O Verão e a Cidade - Candace Bushnell

>> sexta-feira, 27 de abril de 2012




Segundo volume da série Os Diários de Carrie. Quem não leu a resenha do primeiro, clique AQUI.

Bem, digamos que Carrie está do jeito que pediu a Deus. Festas, lugares famosos, pessoas glamorosas. Apesar de um início conturbado, levam a bagagem dela assim que coloca os pés em Nova York, isso a levou a conhecer Samantha, a famosa prima de uma colega da sua cidade do interior.

Samantha é, basicamente, o motivo desse livro ser bom. As pérolas dela são as melhores, sempre chamando a Carrie de "passarinho" que acabou de sair do ninho. A Naty até traduziu os mandamentos dela AQUI. Temos a Miranda, também, super engajada nas suas causas. A Charlotte [super adoro ela!] só aparece no finalzinho, o que já me deixa com um quero mais para poder vê-la.

No ínterim em que não é arrastada paras as baladas pela Samantha, Carrie ainda tem de lidar com seu curso de escrita criativa e bolar uma boa ideia para poder ficar definitivamente em Nova York. Sessenta dias e contando...

Os personagens secundários são interessantes e, realmente, vemos a Carrie começar a crescer como pessoa e escritora. Lógico que ela logo se encanta por um homem, Bernard Singer, um famoso escritor recém-divorciado. Ele tem mais de trinta e a Carrie fica super caída. Eu sinceramente não entendo como a Carrie, tendo dezessete anos, consegue enganar a idade para esse pessoal bem mais velho. Tudo bem que ela tem essas respostas meio espirituosas e fuma para caramba [meninas, lembremos que era anos 80 e era moda], mas sei lá...

Você ainda percebe que Carrie é bastante carente em relação aos homens e com a necessidade de ter uma vida glamorosa. Acho que no seriado não ficava tãaaao evidente assim, mas no livro percebemos bem como ela funciona. O mais interessante é que Carrie tem alma de brasileira: não desiste nunca! Porque vou te contar, ela tem certa atração pelo azar, só pode! Rs! [Comentei que ela consegue ser expulsa do apartamento em que estava hospedada em plena noite de chuva... que vira granizo... sem quase nenhum tostão?!]


- Mas essa é a questão. Se tivesse sido um sucesso estrondoso, não estaria ligando para você. Porque toda a ideia por trás dessa iniciativa é que Carrie Bradshaw nunca vence.
- Como? - assusto-me.
- Carrie nunca vence. Essa é a graça da história, não vê? É o que a faz continuar tentando.
- Mas e no amor? Ela vence no amor?
- Principalmente não no amor.
Hesito.
- Isso parece uma maldição, Cholly.
Ele ri alto e demoradamente.
- Sabe o que dizem: azar de uns, sorte dos outros. Então, o que me diz? [...]
Págs. 409-410



Essa capa consegue ser ainda mais bonita que a anterior. Mas sabiam(?!), tava olhando na net e também existe a versão americana com as capas iguais as nossas.

Como eu tinha suspeitado, O Verão e a Cidade, de Candace Bushnell (Galera Record, 416 páginas, R$ 39,90), supera o anterior. Para os fãs da série, leitura obrigatória!

Recomendo!

Diários de Carrie:
1 - Os Diários de Carrie
2 - O Verão e a Cidade

--
Não sabe como participar da premiada Semana Galera Record? CLIQUE AQUI e não fique de fora!


KITTY GABE


PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL