twitter
RSS

Ao Cair da Noite - Stephen King

>> terça-feira, 28 de fevereiro de 2012



Resenha by Laerte Lopes:

O grande mestre do terror nos presenteia mais uma vez com uma obra não muito assustadora, mas extremamente intrigante - e nem por isso chata. Muito pelo contrário, uma leitura super proveitosa e que te prende do início ao fim, de todos os contos. Falando nisso, o livro contêm treze contos, uma introdução bem interessante e no final tem as “Notas do Cair da Noite” onde o próprio King nos conta sobre suas inspirações para escrever tais contos. No fim dessas notas, ele brinca conosco usando uma história do livro, tentando nos assustar. 

Procuro um meio de ser imparcial ao escrever sobre esse livro, afinal sou fã do Stephen King e essa é a primeira resenha que escrevo de um livro dele. Então optei por falar um pouco sobre os contos que mais gostei.

A corredora
Esse conto nos fala da história de Emily, que perdeu seu bebê pouco tempo após ela nascer. Para superar essa angústia, ela passa a praticar corrida, a princípio em doses baixas, mas ela acaba por se tornar uma corredora obsessiva. Pode uma história como essa ser aterrorizante?  Para King tudo é possível, e essa obsessão vai ter tão importante em seu futuro que Emily se arrependeria de não a ter obtido.

A bicicleta ergométrica
Já nesse, nos é apresentado o artista plástico Richard Sifkitz, que após fazer uns exames periódicos, descobre um alto nível de colesterol. Recomendado pelo seu médico, ele inicia a chata missão de perder peso e para isso compra uma bicicleta ergométrica. Chato? Nem de perto! A aventura pelo qual irá passar ao correr contra a balança é cheia de mistério e suspense, com um final incrível. Um dos contos que mais gostei desse livro.

O gato dos infernos
Em minha opinião esse foi o conto mais assustador do livro, conta a história de um assassino de aluguel que é contratado por um velho para matar um gato. O velho acusa o bichano pelas mortes de sua irmã, amiga e mordomo, e por isso precisa da ajuda de Halston para dar cabo do gato. O que parecia ser o trabalho mais fácil para Halston, passa ser o mais assustador. Este também é o conto mais antigo desse livro, ele é da época em que o King escrevia contos para revista Cavalier. O final é surpreendente.

No maior aperto
O melhor conto do livro, pelo menos em minha opinião, nos mostra a briga de dois vizinhos pela posse de um terreno. Um aponta o outro como o desonesto, mas ambos possuem um contrato de compra. A “rusga” piora com a morte de Betsy, a cadela de Curtis. Gosto desse conto em especial porque nos mostra como a vingança pode ser realizada sem nenhum tipo de violência, e também nos ensina em como manter a calma em um momento de tensão. Esse conto tem um detalhe no mínimo, nojento. Só quem ler poderá entender. O final é muito bom.


Quem quiser ler pequenas - mas surpreendentes - histórias, eu recomendo esse livro. Pode comprar Ao  Cair da Noite, de Stephen King (Suma de Letras, 400 páginas, R$ 42,90) que não irá se arrepender. Agora deixo com vocês uma websérie produzida pela CBS adaptada do conto “N”, que está na compilação. Foi originalmente lançada para promover o livro, quando foi lançado nos E.U.A. Espero que gostem.






  Laerte Lopes






PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL