twitter
RSS

O Domínio - Steve Alten

>> quinta-feira, 29 de dezembro de 2011



E se você tivesse certeza que o mundo acabaria em 22 de dezembro de 2012?

"O 4 Ahau 3 Kankin está próximo"


Resenha by Laerte Lopes: 


Pela profecia Maia, o mundo sofreria uma grande mudança no solstício de verão de 2012. Essa profecia não saiu da cabeça de Michael Gabriel, um jovem que foi criado por seus pais durante a busca obsessiva deles pela elucidação dessa profecia. Considerado louco por atacar um homem que "causou" a morte de seu pai, ele foi internado num hospital psiquiátrico, condenado a passar o resto dos seus dias. Eis então que surge a linda e doce Dominique, uma jovem estudante de Psicologia, designada a tratar do "louco" Michael. Logo no primeiro encontro ela percebe que tudo o que ouviu sobre ele parece ser verdade. Mas quem acreditaria em um homem que passou 11 anos numa solitária dizendo que o mundo acabaria em alguns dias?

Porém, as afirmações de Mick não são infundadas, afinal de contas ele passou quase a vida inteira pelo mundo procurando a resposta para a profecia apocalíptica. Aos poucos Dominique vai cedendo e percebe que Mick pode não ser tão louco assim. Mas essa resposta você só saberá lendo esse bom livro que faz parte de uma trilogia.

Guiados pelo diário de Julius Gabriel, eles vão aos poucos descobrindo os segredos escondidos nos sinais deixados pelo mundo, como por exemplo, as linhas de Nazca, as perfeições arquitetônicas das pirâmides de Gizé e de Kukulcán.

O livro é meio que divido em três ambientes: O diário de Julius Gabriel, a corrida contra o tempo de Mick e Dominique e o cenário político em relação aos acontecimentos correntes. No começo pode parecer um pouco confuso, mas depois você acostuma e o no fim você entende essa necessidade.

Muitas das informações usadas no livro são verdadeiras, mas o Steve escreve tão bem que até as coisas criadas por ele parece ser realidade. Pelo menos comigo, no final eu fiquei pensando: "E se isso realmente for verdade"? Leia, O Domínio, de Steve Alten (Suma de Letras, 424 páginas, R$ 43,90), e se surpreenda com essa história, mas lembre-se, é apenas um livro de ficção.

A escrita é um pouco detalhista, requer a leitura atenciosa para não se perder nos capítulos, talvez alguns achem chato quando o próximo capítulo é uma leitura do diário de Julius, isso quebra um pouco da linha de animação - realmente é um pouco chato quando você está lendo uma cena emocionante quando no próximo capítulo aparece outra cena distinta. Mas no todo, o livro é bom e com um final emocionante. Já estou com o próximo livro, RESSUREIÇÃO, na mão e logo lançarei a resenha dele para vocês.

Agora deixo com vocês um dos trechos do diário de Julius Gabriel que mais gostei:

Que criatura patética é o homem. Nasce com a consciência aguda de sua mortalidade – e, portanto, está condenado a viver sua mísera existência com medo do desconhecido. Guiado pela ambição, muitas vezes desperdiça os momentos preciosos que possui. Negligenciando os outros, se entrega a empreitadas egoístas em busca de fama e fortuna, permitindo que o mal o seduza e o leve a acumular desgraças sobre aqueles que realmente ama. Sua vida, tão frágil, está sempre à beira de uma morte que ele não foi abençoado com a capacidade de compreender.
Pág. 329

Photobucket

PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL