twitter
RSS

O livro secreto do banheiro feminino - Jo Barrett

>> sexta-feira, 15 de outubro de 2010




Vocês não devem jamais subestimar o poder da Conversa do Banheiro. Lembram do filme Wall Street, daquela cena em que Michael Douglas pergunta para Charlie Sheen qual é a commodity mais valiosa do mundo? A resposta era ‘ Informação’.

O Banheiro Feminino é como o chão da Bolsa de Valores, onde a commodity mais valiosa do mundo – informação – é comercializada entre todas. Uma mulher que não acompanha as amigas ao banheiro corre o risco de sofrer um relacionamento de informações. Em casos mais graves, ela pode ter de declarar falência.
p. 1148-149



Claire acabou de sair de um casamento com apenas um quadro e uma alemã, uma super-potente BMW. Está na fase da autodepreciação, no estilo tenho-34-anos- sem-filhos-e-agora-sem-marido’, quando tem a brilhante idéia de escrever um livro sobre banheiros femininos.

Claire é advogada e se é capaz de escrever textos jurídicos cavernosos, com certeza, conseguirá escrever algumas gracinhas sobre o santuário das conversas femininas. Nesse mesmo tempo, em uma vernissage, conhece Jake, que à primeira impressão parece ser O Cara, mas Claire está vacinada e O cara não existe, ... e por isso mesmo, um pouco de diversão não custa nada.

Paralelo a isso descobrimos que TODA mulher tem sempre: um amigo gay e uma amiga mais magra do que você, que vive perguntando: tô gorda? E você pensa: ela quer me humilhar, né?

Todo restaurante em que ia, Claire, dava uma parada básica de cinco minutos no banheiro. Precisava colher informações para seu livro. Em cada parada, conhecia um pouco dos dramas e aflições femininas. E o que toda mulher quer: encontrar seu O Cara e viver feliz para sempre.

Claire já tinha desistido do ‘felizes para sempre’, mas Jake estava sendo uma ótima surpresa. Com certeza, ele já foi uma alma feminina em vidas anteriores.

-E você sabe que  quinta é dia 12. Você já tem planos?
É dia dos Namorados! Euzinha? Nananinanão! Nenhum plano. Estou totalmente disponível – ela pensou.
- Bom, Matt Damon me ligou. Mas eu disse que já estava reservada para você.
- Claire, Matt Damon não tem o que eu tenho.
- Ah é? O que é que você tem?
- Eu tenho um interesse considerável por você. Então nos vemos na quinta, querida.
M eu coração bateu tão rápido que dá até para ouvir. Um milhão de gnus cavalgando pelo solo da África. E aí me dou conta. Meu problema é sério.
Estou me apaixonando para valer.
p. 87

O livro secreto do banheiro feminino, de Jo Barrett (Essência, 320 páginas, R$ 39,90) é uma agradável surpresa.  Através de Claire, a autora desvenda os segredos do banheiro feminino, coisa que todo homem é louco para descobrir: Porque elas demoram tanto lá? Porque nunca vão só? Que será que esse bando de mulher tem para conversar?

Capítulo Quatro
O banheiro do escritório
Fugir é possível, esconder-se, não.
por Claire St John

O banheiro do escritório existe cinco dias por semana, 365 dias por ano, à exceção de quando estamos doentes ou de férias. Não há escapatória. Vocês devem se perguntar o que as mulheres do escritório fazem no banheiro. Muito bem, senhores. Hoje é seu dia de sorte, seus delinqüentes.

1.    Enrolação. Meu saco está tãooooo cheio hoje. E são só onze horas. Quer ler a nova Vanity Fair, mas e se o nome gerente me vir? A-rá! Banheiro, aqui vou eu! Hummm. Quanto tempo será que dá para ficar aqui até ele me considerar desaparecida?
p. 102

Sabe quando você se identifica com um livro? Com certeza se identificará com esse. Jo Barret, consegue traduzir todos nossos pensamentos nesse chick-lit  maravilhoso! Além disso, na estória tem drama, ação... E o melhor de tudo: tem um super romance.

Recomendo.

P.S: Jake é um sósia do Roarke, sem os bilhões.



Photobucket


PhotobucketRSS/Feed - Receba automaticamente todos os artigos deste blog. Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Muito Obrigada pela visita, e te espero no próximo post!

Arquivo

Experimente!

Link-me

Creative Commons License
Menina da Bahia licenciada sob uma Licença Creative Commons

  © Menina da Bahia - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL